Imagem: Gettyimage

O Chão de Derweze, Turcomenistão, não para de queimar. Por isso ficou conhecido como a Porta do Inferno.

Um buraco no meio do Turcomenistão chama a atenção e atiça a curiosidade das pessoas. Trata-se de uma cratera de aproximadamente 60 metros de diâmetro, apelidada pelos moradores de “Porta do Inferno”, pois não para de queimar (fenômeno parecido com o da Cidade Fantasma de Centralia).

A explicação científica para o fenômeno da cratera do Turcomenistão é que a antiga União Soviética havia perfurado uma reserva de metano e isso teria liberado o gás na atmosfera. Como era altamente tóxico, ele resolveram incinerar a boca do buraco de maneira que ele ficasse queimando o gás à medida que ele fosse sendo liberado.

Fonte: Internet

Assine nosso Feed no Google Notícias e fique por dentro das postagens direto no seu smartphone.

Author

Fatos Desconhecidos, Lendas Urbanas, Sobrenatural, Mistérios, Histórias Reais e Ovnis. Nossas Postagens são mero entretenimento.

Write A Comment